Com tudo o que está descrito, muitas vezes as suas potencialidades não são totalmente aproveitadas, sobretudo quando estamos a falar na interacção com os consumidores. Assim, para as empresas isto torna-se claramente e cada vez mais num reboliço sem fim. Terão que se adaptar às exigências que lhes são pedidas pelos mais diversos meios envolventes, colmatando as falhas que possam existir e adequando preços ao mercado tornando-se assim mais competitiva. Para tal as empresas devem munir-se de ferramentas que as levem a identificarem-se e a distinguirem-se nesta selva que é o mercado atual.
O GPRs electrónico (e-GPRs) ou iGRPs (“i” de interactivo), consiste em estimar o número de utilizadores únicos[4][5] (diferente de visitas: número de visitantes que acede a um website num determinado período de tempo, a partir de uma morada IP única; se um utilizador visitar o mesmo site duas vezes no mesmo período, apenas é considerado um visitante) que serão alcançados através de qualquer canal online e correlacioná-lo com o número de impressões. O que cria uma relação (e-GPRs) que pode ser comparada com o GPRs tradicional, o que vai permitir que o Return on investment (ROI) da campanha de b-Marketing possa ser optimizado.
The Nielsen Global Connected Commerce Survey conducted interviews in 26 countries to observe how consumers are using the Internet to make shopping decisions in stores and online. Online shoppers are increasingly looking to purchase internationally, with over 50% in the study who purchased online in the last six months stating they bought from an overseas retailer.[23]

E-mail é um dos serviços de Internet mais utilizados actualmente. A primeira coisa que 83,7% dos usuários de Internet fazem é verificar suas contas de e-mail. Nas empresas o e-mail, é hoje em dia essencial para a sua comunicação, e a sua principal funcionalidade, é ser uma das ferramentas mais poderosas de todos os tempos, sendo simples, barata e eficaz. Não faltam casos de sucesso, no entanto podemos referir o da Universidade de Nova Iorque que a partir de 2001 passou a comercializar os seus trabalhos via e-mail, passando a poupar $ 300 000 dólares por ano, aumentou as receitas em 15% e reduziu a utilização dos recursos internos em 80%.
Existem também diferenças nas estratégias de divulgação de um afiliado, quando objetivo são ações ou conversões. Cada objetivo de marketing e modelo de comissão obrigam, automaticamente, a adoção de uma estratégia de divulgação diferente. Ao entrar nesse mercado, você deverá procurar pelos modelos de comissão que fazem mais sentido para você e para a sua estratégia de marketing digital.
Una guía completísima y útil Frank. El asunto “publicidad frente a afiliación” es bastante interesante, sobre todo porque la publi convencional en Internet parece que ha tocado casi fondo. De hecho hasta el New York Times se interesa ahora por los enlaces de afiliados como via de diversificar ingresos y ha comprado una web que se dedica precisamente a eso, a revisar productos y obtener comisiones de Amazon, como modelo de negocio.
×